SEMANA DE ANDANÇAS 2


Agrupamento de Escolas Baixa / Chiado

A convite do Centro de Recursos do Liceu Passos Manuel, em Lisboa, tive oportunidade de visitar as escolas do 1.º Ciclo do agrupamento Baixa / Chiado. A jornada teve início a 25 de Novembro na EB1 Luísa Ducla Soares, continuou de tarde na Eb1 de S. José e no dia seguinte na Eb1 das Gaivotas e no próprio Liceu Passos Manuel.
Em cada escola, por pequenos grupos, apresentei os me us livros infanto-juvenis aos alunos, li alguns poemas e dinamizei alguns jogos poéticos. A receptividade foi fantástica. Em algumas escolas tive oportunidade de tomar um café e conversar com os professores.
Refira-se que esta visita se situa no âmbito da iniciativa desenvolvida pela Biblioteca Escolar / Centro de Recursos do Passos Manuel e genericamente designada de “Encontros com Escritores”. Acolheu já a Margarida Fonseca Santos (a 11 de Novembro) e contará ainda com a presença de Alice Vieira (21 de Janeiro de 2009) e de António Torrado. Não resisto a confessar: “Eu, em boas companhias”. Uma palavra especial de agradecimento se impõe: ao Fernando Faria (responsável do Centro de Recursos) pelo acompanhamento e à Magda Costa pelo convite. Obrigado e parabéns a ambos!

EB2/3 de Leça do Balio

De Lisboa para a EB 2/3 de Leça do Balio, foi um saltinho de pardal. Nesta escola está a decorrer a feira do livro, na biblioteca, local que se encheu para a apresentação dos livros “Rondel de Rimas para Meninos e Meninas” e “Poemas da Bicharada”, na Quarta-feira de manhã. Nesta visita, fui acompanhado por Sónia Borges, a ilustradora do segundo livro.
As perguntas finais foram interessantíssimas e revelaram que os alunos prepararam com esmero a visita, lendo os livros e estando atentos à apresentação inicial.

EB1 de Oliveira de Azeméis

O fim da manhã de Quinta-feira trouxe-me uma surpresa: a turma do 4.º Ano da EB1 de Oliveira de Azeméis sabia de cor e salteado (quase) todos os “Poemas da Bicharada”. Constituiu uma verdadeira comoção ouvir dizer, de cor, e com musicalidade, os poemas do livro.
Aos mais pequenos (de outras turmas) li poemas do “Rondel de Rimas para meninos e meninas” e disse poemas inéditos que muito os divertiu.

EB1 de Santa Apolónia (Coimbra)

Porque “de pequenino é que se torce o pepino” estive, na Sexta-feira de tarde, com os pequenos escritores da EB1 de Santa Apolónia em Coimbra que participaram com os seus poemas e ilustrações no livro “Por Ser Natal”: o Nuno Vieira, a Diana Coimbra e a Beatriz Fontes (na foto).
Nesta apresentação estiveram todos os alunos da escola, os ex-alunos do 4.º Ano (do ano transacto) e alguns pais e familiares. Foi uma festa singela, mas significativa; sobretudo pela percepção de que a literatura é beleza que congrega e reúne e que é património de todos os que se lhe dão.
Centro de Arte Manuel de Brito

Em Algés, no Palácio Anjos, há um centro de arte com uma colecção muito interessante (Paula Rego, Vieira da Silva, Júlio Pomar, Graça Morais, António Dacosta, entre outros) que se preocupa em fazer chegar a arte aos mais novos. Assim foi, na noite do seu 2.º aniversário, com a actividade “SonhArte no CAMB” (Centro de Arte Manuel de Brito).
Não é todos os dias que um Centro de Arte tem tal ousadia nem é todos os dias que uma criança pode passar a noite (literalmente) entre quadros de pintores tão importantes e participar em actividades pensadas exclusivamente para eles.
A noite começou com uma visita guiada às diversas salas em que, para além da guia, participaram a fadinha, Fernando Pessoa e uma criança obstinada com pedidos à sua mão (a partir de um texto de Álvaro Magalhães). Seguiu-se um espaço de descontracção, com desenhos e brincadeira. Ceou-se e cantaram-se os parabéns. Depois, “chichi, cama”, quer dizer, vestir o pijama e ocupar os colchões devidamente preparados.
E foi então, um pouco antes da meia-noite, que eu, João Petiz contei histórias e disse poemas sobre bichos: o coelhinho branco e a formiga rabiga, o Cuquedo, o Pinto Borrachudo, as adivinhas de Carlos Pinhão entre outros, finalizando, para “induzir” o sono com o texto de Luísa Ducla Soares: “Todos no Sofá”.
Adorei participar nesta festa! Creio que este foi o modo mais ousado e, simultaneamente, divertido de festejar o aniversário do CAMB. Os meus parabéns!

Comentários

Mensagens populares