DE COMO A PALAVRA QUIS SER E NÃO PÔDE

[Ilustração de Ricardo Rodrigues, in A Casa Grande]

Enquanto a paz for um fim e não um começo
enquanto o medo se combater com o medo
enquanto a lei for norma e não princípio
enquanto a solidão tiver milhares de adjetivos
enquanto a água chegar aos mesmos de sempre
enquanto a liberdade for uma palavra das enciclopédias
enquanto a inteligência se escrever com minúsculas
enquanto as baionetas nos tomem a todos como alvo
enquanto a sociedade for a sujidade
enquanto a ordem continuar a ser o maior propósito
enquanto a justiça estiver de férias
enquanto todos estivermos em liberdade condicional
enquanto se disser exército e não exercito
enquanto a igualdade for um sinal matemático

não me digam que a palavra serve para alguma coisa.

Manuel Diez de los Rios (In I Festival poético por la Paz y la Libertad).

Comentários

Mensagens populares