Poema(s) sobre Poesia - 2

A poesia = ao que é +
o que não é

Sendo o que é +
o seu contrário

Número ambivalente
negado e positivo
posto
dos dois lados do zero
ela se devora
e crescem em dois sentidos
múltipla de si mesma
irracional mas demonstrável
racional mas indemonstrável
quimicamente pura
e carregada de fermentações
repetida sem limite
nos espelhos opostos
para exaurir a alma
que o mundo não domina
e atenta sempre à mesma
unidade do universo

Sophia de Mello Breyner Andresen 
(geografia)

Comentários

Mensagens populares